Dicas para você que sofre com a pele flácida

Às vezes depois de um emagrecimento muito acelerado a pessoa acaba sofrendo com pele flácida.

Isso acontece porque a pele não tem tempo de se acostumar com o novo corpo.

Pensando nesse problema resolvemos escrever este artigo.

Onde nele colocamos as melhores dicas que conhecemos quando o assunto é cuidado de pele flácida.

Acreditamos que ao final dele você já terá tirado todas as dúvidas e também acabado com qualquer problema relacionado com a pele.

Portando, não deixe de ler todos os tópicos, porque é provável que pelo menos em algum tenha algo que você ainda não sabe.

Beba bastante água

A água é um componente crucial para manter a elasticidade da pele. Beber bastante água pode aumentar a elasticidade e minimizar a flacidez da pele. Suas necessidades de água dependem de:

  • o estado atual da sua saúde
  • sua rotina de esportes
  • sua dieta
  • e o clima da região onde você mora.

Um adulto deve consumir pelo menos 1,5 litros de água por dia. Consumindo 1,5 litro de água e comendo alimentos encharcados, esse adulto poderia facilmente chegar a 2 litros de água por dia.

Se você tem muito excesso de pele, beber muita água provavelmente não vai melhorar muito a aparência de sua pele. 

Por outro lado, se você tem a pele ligeiramente flácida, pode ter melhores resultados.

Além de ajudar a hidratar a pele, beber água ajuda a estabilizar o peso. 

Beber água antes das refeições faz você se sentir satisfeito e, portanto, comer menos.

Beber água também ajuda a não confundir sede com fome e também evita a retenção de água, o que ajuda a obter uma leitura mais precisa quando você se pesa.

Pratique esportes

O esporte é um ingrediente essencial quando você deseja firmar a pele. Entre os muitos benefícios do esporte, podemos citar a desintoxicação causada pelo suor.

A pessoa média é exposta a centenas de toxinas diferentes que tendem a se acumular sob a pele diariamente. Quando o suor é evacuado pelos poros, o mesmo ocorre com as toxinas, evitando o envelhecimento prematuro da pele.

Além disso, quando o excesso de gordura estica a pele por muito tempo, a pele pode perder um pouco de sua elasticidade quando ocorre a perda de peso. Substituir essa gordura perdida por massa muscular pode reduzir a aparência de pele flácida.

Manter ou aumentar o tecido muscular é a chave para minimizar a flacidez da pele. 

Se além de gordura você perde massa muscular, um vazio ainda maior é criado abaixo da superfície da pele.

O aumento da massa muscular preenche esse vazio sob a pele, mantendo a pele firme. Este é o papel do esporte: melhorar a massa muscular do seu corpo. 

Felizmente, você não precisa fazer exercícios todos os dias para ter uma pele mais firme.

No entanto, para melhorar a aparência e o tom de sua pele, você ainda precisará fazer exercícios regularmente (cardio e treinamento de força) para limitar a perda muscular durante a perda de peso.

Fazer pelo menos 45 minutos de exercícios por dia, 5 dias por semana, fará com que você perca quilos extras. 

Você pode começar introduzindo exercícios leves no início da manhã. Caminhada rápida, corrida, natação, ciclismo, etc. são considerados cardio.

O treinamento de força também pode ajudar a reduzir a aparência de pele flácida, especialmente se for devido à perda de peso. 

Para obter melhores resultados, trabalhe seus músculos até o ponto de quebrar.

Por exemplo, use pesos pesados ​​o suficiente para que a última repetição de cada série seja quase impossível de fazer.

Portanto, pode ser útil usar halteres, barras, faixas de resistência e outros equipamentos de musculação em vez de trabalhar apenas com seu peso corporal.

Veja também o vídeo que separamos para você sobre o cuidado da pele flácida:

Procedimentos não cirúrgicos e cosméticos

Com procedimentos não cirúrgicos e minimamente invasivos, os cirurgiões plásticos podem efetivamente ajudar a reduzir a flacidez moderada ou a pele enrugada do rosto, pescoço e do resto do corpo.

Em geral, os procedimentos não cirúrgicos usam energia direcionada para aquecer as camadas mais profundas da pele e estimular a produção de colágeno e elastina, o que restaura o brilho da pele e melhora gradualmente a textura da pele.

Alguns tratamentos também afetam o tecido fibroso para ajudar a suavizar a celulite. 

Existem muitos tratamentos e tecnologias de endurecimento da pele no mercado. 

Cada um usa um mecanismo único para alcançar o resultado desejado.

Esses numerosos procedimentos podem, portanto, ajudar os candidatos em potencial a melhorar sua aparência e retardar a necessidade de cirurgia. 

Se você decidir seguir este caminho, consulte um especialista neste procedimento.

Cada um desses procedimentos pode ser doloroso, mesmo com o uso de um anestésico. 

Considere sua tolerância à dor antes de escolher qualquer um desses procedimentos.

Os procedimentos não cirúrgicos dizem respeito principalmente a pessoas com flacidez moderada da pele. 

Se você tem muita pele flácida, especialmente ao redor da barriga, provavelmente não obterá os resultados desejados.